https://gist.github.com/mtgr18977/9cd29c40517f3c9835d70f467730b9dc.jsO relatório foi feito por consultores legislativos e utilizou dados obtidos via LAI. O documento identificou 843 canais considerados “inadequados”. Eles receberam 2.065.479 anúncios pagos pela SECOM. Desse total, 47 foram apontados pelo relatório como sites que divulgam fake news. Fonte: https://twitter.com/PrazeresLeandro/status/1268013810411024384